Juliette é acusada de bifobia por questionar interesse de Lucas em Gil; assista

Após a repercussão negativa da conversa da madrugada, a equipe de Juliette afirmou nas redes sociais que ela não é 100% desconstruída


Foto: TV Globo

A régua do cancelamento bateu mais uma vez na casa do Big Brother Brasil. Após as declarações polêmicas da consultora de marketing Sarah Andrade, chegou a vez da advogada Juliette Freire entrar na roda.


A sister está sendo acusada de bifobia por diversos internautas após questionar a orientação sexual de Lucas, que se envolveu com o até então amigo dela, Gilberto, dentro do programa.

Em conversa com João, Fiuk e Carla Diaz, a paraibana, que reclamava sobre a falta de homem hétero na casa, deu a entender que ele era confuso por não escolher uma pessoa para se relacionar. “Ele não decidia se queria mulher ou homem”.


Juliette ainda foi reprimida por João, que rebateu: “Mas não precisa decidir, ele é bi”. A advogada tentou argumentar sua fala afirmando que Lucas quis Kerline antes de GIlberto. “Porque ele não ficou com Gil antes?”, perguntou Juliette.


O assunto acabou com João afirmando que o questionamento de Juliette era infundado.


Após a repercussão negativa da conversa da madrugada, a equipe de Juliette afirmou nas redes sociais que ela não é 100% desconstruída, e que é comum que ela erre em alguns assuntos, mas irá rever a fala fora do programa. O perfil ainda se desculpou com Lucas Penteado por Juliette. “Juliette não é 100% desconstruída e com certeza vai ter falas discutíveis dentro do BBB. A gente não vai passar a mão na cabeça dela sempre, e nos comprometemos a, de verdade, mostrar os pontos em que cabe a ela estudar, aprender e evoluir”.


Fonte: Bahia.ba

0 comentário