Após acusação de racismo e homofobia, Rodolffo deixa o BBB com 50,48% dos votos

Rodolffo acreditava que o seu não estava na reta e a berlinda da semana teria como certa a saída de Gilberto, que ficou como coadjuvante com 5,43% dos votos


Foto: TV Globo

O sertanejo Rodolffo não teve direito ao arco de redenção pela segunda vez no Big Brother Brasil.


Depois de conseguir virar o jogo no paredão contra Carla Diaz, e escapar da eliminação após uma acusação de homofobia, o intérprete de ‘Batom de Cereja’ não teve a mesma sorte em sua segunda grande polêmica, a acusação de racismo contra João, e deixou a casa mais vigiada do país com 50,48% dos votos na última terça-feira (6).


Em um paredão apertado, que foi disputado voto a voto com o amigo Caio Afiune, o artista acabou levando a pior. Rodolffo acreditava que o seu não estava na reta e a berlinda da semana teria como certa a saída de Gilberto, que ficou como coadjuvante com 5,43% dos votos.


No texto de eliminação, Tiago Leifert voltou a falar sobre as decisões e declarações polêmicas dos participantes dentro do jogo, motivo da eliminação de Rodolffo.


“É impossível acertar tudo aí no ‘Big Brother Brasil’, é muito raro, não dá. Cometer erros no ‘Big Brother’, por mais que doa e vocês fujam, é fundamental, é o que nos faz ir pra frente. Tem dois tipos de erro, aquele que é sem querer e aquele que é proposital e você até se arrepende depois. O público do ‘BBB’ perdoa? O público do ‘BBB’ perdoa sim. Tem algumas coisas que não podem ficar sem resposta, mas os erros que são digeridos, o público perdoa sim. Voltar do paredão é uma chance pra errar mas pra cometer erros novos e não cometer os erros de sempre, e isso eu falo para quem fica. Quem sai hoje é o Rodolffo”.


Fora do jogo, Rodolffo voltou a se desculpar pelos episódios de dentro da casa que levaram a sua eliminação. Em entrevista à Ana Clara na Rede BBB, o sertanejo reforçou que não tinha intuito de machucar João ou qualquer outra pessoa com a comparação.


“Quero pedir desculpas novamente a todo mundo que ficou chateado, que ficou revoltado. Qualquer sentimento negativo que eu possa ter causado com qualquer comentário, sendo do João, ou de outros comentários, estou aqui de coração para pedir desculpas. Estou aqui assumindo meus erros e estou aqui para consertá-los. Não estou aqui para errar e bater o pé e falar que estou certo, não. Estou aqui para consertar, para assumir e para ser de verdade”, disse ele.


Fonte: Bahia ba

0 comentário