AL é o estado do NE que apresenta melhor desempenho na retomada, diz consultoria

O estudo leva em consideração o comportamento de três grandes setores: o de Serviços, o da Agropecuária e o da Indústria


Dados divulgados pela consultoria 4intelligence indicam que Alagoas é o estado do Nordeste que vai apresentar o melhor desempenho econômico no segundo trimestre deste ano. O resultado tem como base os números do Produto Interno Bruto (PIB) e reflete o trabalho intersetorial desenvolvido pelo Governo do Estado para uma retomada segura e de destaque no cenário econômico nacional.


De acordo com a análise da 4intelligence, neste trimestre, a expectativa é que Alagoas apresente uma variação de PIB de 4,2%. O estudo leva em consideração o comportamento de três grandes setores: o de Serviços, o da Agropecuária e o da Indústria.



“Mesmo em um momento de crise como foi o ano de 2020, Alagoas conseguiu manter um bom desempenho econômico em comparação com o contexto nacional, apresentando uma das menores quedas de PIB naquele período. Os dados da consultoria reforçam esse movimento de recuperação e de avanço econômico, balizado por ações estratégicas e assertivas do Governo do Estado”, explica o secretário do Planejamento e Gestão de Alagoas, Fabrício Marques Santos.


No setor de Serviços, que é o de maior representatividade no PIB local, os dados indicam a recuperação do comércio, impulsionada, principalmente, em decorrência da flexibilização das medidas restritivas, que foi possível por meio do avanço da vacinação. Já a variação positiva no setor da Agropecuária, por exemplo, teve influência do bom desempenho das principais culturas do estado, tais como: cana-de-açúcar, a mais forte em Alagoas, laranja, banana, abacaxi e fumo.


Segundo a consultoria, a expectativa é que também haja crescimento no setor industrial, com destaque para o saldo de empregos no subsetor da construção civil, que foi fortalecido pelos investimentos realizados na construção de obras públicas. Além disso, a previsão é que Alagoas também apresente bom desempenho na indústria de transformação.

“A indústria alagoana apresenta o maior crescimento do Brasil, puxada pela cadeia produtiva da química e do plástico e pela construção civil, principalmente pelas obras do Governo de Alagoas. O volume de obras deste ano é mais que o dobro do volume do ano passado e isso se repetirá no próximo ano”, complementa o secretário da Fazenda de Alagoas, George Santoro.


Fonte: Agência Alagoas

0 comentário